CONSCIÊNCIA COLETIVA

Author

Felipe Ferreira

Felipe Ferreira has 5 articles published.

Analista educacional, vive de pequenos devaneios e está sempre pronto pra uma trip.

Cartas de amor: ultrapassando as barreiras do ultrarromântico

em Estrangeira/Leitura/Nacional por

Cartas de amor são textos geralmente escritos e pensados como o lugar de um discurso amoroso específico, aquele que se dirige à pessoa amada com uma carga de sentimentalidades e palavras de amor que declaram a perfeição no relacionamento. Dá até pra imaginar o suspiro de quem, ao colocar o último ponto final, muitas vezes substituído por três exclamações, beija o papel devotamente. Fernando Pessoa parece concordar com essa ideia. Segundo ele, todas as cartas de amor são ridículas e assim têm de ser, do contrário não são cartas de amor. Ridícula é uma expressão utilizada pelo autor para adjetivar…

Continue Lendo

Literatura infantil: diversidade de gêneros, sexualidades e configurações familiares

em Leitura/Nacional por

A menina Ceci chega à escola e deixa os meninos intrigados. Nada de desenhar flores, ela gosta mesmo é de jogar futebol e subir em árvores. Seria Ceci uma menina com pipi? Julia não entende sua identidade. Dizem que ela se parece com um menino. Olivia tem dois pais e não sabe quem fará sua maquiagem se não há outra mulher em casa.

Continue Lendo

Olinda: Dos Tambores e outros lamentos

em Opinião/Pernambuco por

Terra de frevo, maracatus e afoxés, Pernambuco se prepara para mais um carnaval de muita festa e irreverência característica do nosso povo. Hora de vestir a fantasia e viver a personagem durante os quatro dias até chegar a quarta-feira ingrata. Eu sou um daqueles foliões que ajudam a lotar as ladeiras de Olinda e ainda gastam o resto de energia apreciando a noite em um dos palcos do Recife. Não era pra menos, nasci e cresci em meio ao furdunço carnavalesco da cidade alta de Olinda e corria para a calçada de casa sempre que escutava o clarim anunciar mais…

Continue Lendo

Os joguinhos como estratégia de conquista

em Comportamento/Opinião por

As pessoas parecem ter esquecido a máxima que diz “quem quer arruma um jeito, quem não quer arruma desculpa”. Hoje em dia, se tratando de conquistas, a estratégia mais usada é um troço chamado joguinho. Quem faz o joguinho da sedução parte do paradoxo de que é interessante demonstrar desinteresse. A reflexão aqui abre espaço pra gente pensar um pouco sobre o modo como nos posicionamos no momento em que nos predispomos a conhecer alguém, como lidamos com nossas relações e como nos enxergamos nesse processo. Não ligar no dia seguinte ou esperar duas horas para visualizar e mais outras…

Continue Lendo

Sue lança seu primeiro EP

em Dicas/Música/Pernambuco por

Com forte influência da música afro-brasileira, o EP divulgado há cerca de dois meses, com lançamento marcado para domingo, mostra que Sue tem todos os pré-requisitos para se firmar no circuito da música independente. Sua relação com a música tem um histórico bem interessante. Participou de diversos projetos, como o Cafuza, e atuou como backing vocal para o cantor Adiel Luna e o percussionista Naná Vasconcelos, com quem diz ter aprendido muito. Atualmente faz parte do Coro da UFPE, que está se apresentando pelas cidades pernambucanas com o espetáculo “Um réquiem para Ariano Suassuna”. Com este mesmo grupo Sue teve…

Continue Lendo

Ir para o Topo
Pular para a barra de ferramentas