CONSCIÊNCIA COLETIVA

Vazante, de Daniela Thomas, estreia dia 09 de novembro

em Cinema/Notícias/Novidades por
Longa participa da Mostra Internacional de Cinema, em SP, dia 25/10

Vazante, primeiro filme solo de Daniela Thomas, que codirigiu Linha de Passe (Palma de Ouro de Melhor Atriz em Cannes 2008) e Terra Estrangeira ao lado do cineasta Walter Salles, estreia dia 9 de novembro nos cinemas e participa da Mostra Internacional de Cinema, em São Paulo, dia 25 de outubro. Daniela também assina o roteiro do longa-metragem junto ao produtor Beto Amaral, fundador da Cisma Produções.

O longa se passa em 1821, no interior de Minas Gerais. Na história, Antonio, vivido pelo ator português Adriano Carvalho, negocia casamento com Beatriz, filha de Dona Ondina (Sandra Corveloni). A estreante Luana Nastas interpreta Beatriz que, na ausência do marido, fica sozinha com as crianças escravas. Vencedora do prêmio de melhor atriz coadjuvante no 50º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, Jai Baptista é Feliciana, escrava vítima da violência de Antonio. O longa retrata as mazelas do patriarcalismo brasileiro, da escravidão, do casamento forçado, da mestiçagem fruto do assédio, da exploração sexual das negras e das hierarquias de poder.

Foto: Ricardo Teles

O filme também traz no elenco Toumani Kouyate, ator que interpreta o líder dos escravos e quem abriu as portas da comunidade de seus conterrâneos da África subsaariana refugiados em São Paulo; Fabrício Boliveira vive o capitão do mato Jeremias, além de Vinicius Dos Anjos, Juliana Carneiro Da Cunha, Roberto Audio, Geisa Costa, Alexandre De Sena, Adilson Maghá, Maria Isadora, Kelle Das Graças Lopes, Maria Helena Dias, Dinah Feldman, Vasco Pimentel, Adão de Fátima Gomes, Adelsson Gonçalo Higino e Maria Aparecida de Jesus Fátima.

Foto: Ricardo Teles

Vazante foi escolhido como Opening Film da mostra Panorama do 67º Festival Internacional de Cinema de Berlim e também venceu o prêmio de melhor direção de arte para Valdy Lopes Jn no Festival de Brasília. Cisma Produções, Dezenove Som e Imagens – fundada pelo cineasta Carlos Reichenbach e a produtora Sara Silveira, em 1991, em parceria com a produtora Maria Ionescu – , e Ukbar Filmes assinam a produção. A coprodução é da Globo Filmes. Europa Filmes é a distribuidora.

Sobre Daniela Thomas

Daniela Thomas é diretora de cinema e teatro, cenógrafa, roteirista e dramaturga. Seus filmes, entre eles, Terra Estrangeira e Linha de Passe, foram agraciados com vários prêmios, entre eles a Palma de Ouro no festival de Cannes para melhor atriz, O Grand Prix do Festival de Havana, o Ariel do México e o Grande Prêmio do cinema Brasileiro. Concebeu os cenários de inúmeros espetáculos de teatro e ópera em vários países. Seus muitos prêmios incluem a Triga de Ouro da Quadrienal de Praga de 1995, os prêmios SHELL, APETESP e APCA. Vem desenhando exposições nacionais e internacionais e desenvolvendo a museografia de exposições permanentes, como o Museu do Futebol no estádio do Pacaembu em São Paulo. Foi uma das diretoras da Cerimônia da Abertura das Olimpíadas Rio 2016 e fez também a direção de Arte e cenografia do espetáculo. Está finalizando um outro longa, Banquete, com estreia em 2018. O filme é um jantar que se passa em tempo real.

Foto de capa: Inti Briones

Veja o trailer do Filme:

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Último post de Cinema

Ir para o Topo
Pular para a barra de ferramentas